Os caminhos de Provérbios

Os caminhos de Provérbios

. 4 minutos de leitura


No início do livro de Provérbios (leia o Capítulo 1 em: https://palavracomdeus.com/serie-proverbios-1/) são listados alguns dos objetivos do livro assim como:

Para entender provérbios e parábolas, as palavras e enigmas dos sábios. - Provérbios 1:6 ARA

E no versículo seguinte menciona como alcançá-los:

O temor do Senhor é o princípio do saber, mas os loucos desprezam a sabedoria e o ensino. - Provérbios 1:7 ARA

No dicionário, a palavra caminho significa:

  • Dicionário Priberam da Língua Portuguesa
    Nome genérico de todas as faixas de terreno que conduzem de um a outro lugar. Estrada, atalho, vereda. Espaço que se percorre. Direção. Meio, via. Destino.
  • Dicio: Dicionário Online de Português
    Faixa de terreno para trânsito de pedestres ou de veículos; estrada.
    [Figurado] Meio de alcançar um resultado; direção: o caminho do sucesso. Espaço a percorrer de um lugar para outro: a linha reta é o caminho mais curto entre dois pontos. Roteiro de viagem; itinerário: vou pelo caminho mais curto. Modo como uma sequência de acontecimentos ocorre; tendência: neste país a educação segue pelo caminho errado.

No livro de Provérbios a palavra caminho aparece em média 70 vezes nas versões Almeida Revista e Atualizada e Nova Versão Internacional. Uma palavra repetida tantas vezes merece uma atenção especial, portanto hoje preparei um estudo especialmente sobre "os caminhos de Provérbios"

Assim como está mencionado em Provérbios 1:7, o temor do Senhor é o princípio do saber, então isso significa que não é possível entender os provérbios e parábolas sem este temor. Este temor não é no sentido de medo, mas sim à uma reverência, respeito, honra, um espírito de submissão e obediência a Deus.

O uso da palavra caminho na maioria das vezes é com um sentido figurado, como por exemplo, fazendo uma referência ao percurso de vida de uma pessoa.

Para mim, a Bíblia é como um "manual de conduta" e o livro de Provérbios é um capítulo deste manual. Portanto, os provérbios e parábolas encontrados neste "capítulo" são instruções de como aplicar a sabedoria para que tudo corra bem nesta caminhada da vida. Mas não se engane porque aplicar tudo o que está escrito não é garantia de que tudo realmente vai correr bem. E é por isso que o temor a Deus vêm antes de qualquer instrução, pois diante das situações que podem ocorrer no caminho (independente de qualquer coisa), Deus é a única garantia que seremos vencedores:

Em todas estas coisas, porém, somos mais que vencedores, por meio daquele que nos amou. - Romanos 8:37 ARA
Estas coisas vos tenho dito para que tenhais paz em mim. No mundo, passais por aflições; mas tende bom ânimo; eu venci o mundo. - João 16:33 ARA

Ou seja, o temor a Deus é a chave para essa sabedoria mencionada em todo o livro de Provérbios e que vai conduzir em um bom caminho a vida de uma pessoa desde quando é criança até a sua velhice:

Ensina a criança no caminho em que deve andar, e, ainda quando for velho, não se desviará dele. - Provérbios 22:6 ARA

A ordem é específica de ensinar e não está dizendo que é só quando for bom, só quando for da sua vontade, quando estiver na frente dos outros, quando não estiver ocupado fazendo outra coisa, enfim, ensina!

Mas ensinar quando, onde, como?

Ensinar no caminho, mais uma vez a palavra caminho é utilizada. Afinal, que caminho é esse que deve ser ensinado aos filhos? Não apenas neste versículo, mas o livro de Provérbios apresenta os ensinamentos de um pai para um filho e termina com o louvor da mulher virtuosa que é um exemplo a ser seguido pelas mulheres. Então, o livro é completo até mesmo para os ensinamentos de uma família, pois os filhos tem a direção dos pais e também a referência de como uma esposa e mãe deve ser.

Filho meu, ouve o ensino de teu pai e não deixes a instrução de tua mãe. - Provérbios 1:8 ARA

Uma criança têm um pai e uma mãe, ou alguém que cumpra esses papéis na ausência do mesmo. Isso significa que para ensinar no caminho, os pais também devem estar no caminho. Não adianta ensinar a criança o caminho que deve seguir enquanto os pais estiverem vivendo a vida em um caminho diferente.

Os maiores ensinamentos que eu e meu marido conseguimos passar aos nossos filhos são aqueles que nós não precisamos de ensinar com as palavras. Por exemplo, meus filhos com menos de 2 anos já sabiam dizer obrigado logo que recebiam alguma coisa. Certo dia, comentei com uma amiga que achava interessante eles terem aprendido isso sem que eu nunca estivesse ensinado, pois eu não me lembro de dizer a eles para agradecerem, eles começaram a falar e essa foi uma das primeiras palavrinhas que eles falavam. Então, a minha amiga disse, que eu e o meu marido temos o hábito de agradecer tudo, nós sempre falamos obrigado, é um hábito! Por isso que eu nem havia percebido que eu estava ensinando, pois o que já praticamos com facilidade é ensinado pelo exemplo e não pelas palavras. Existem outras coisas que eu tenho mais dificuldade de ensinar porque eu mesma tenho dificuldade de praticar. Por exemplo, eu falo alto e por vezes tenho que pedir as crianças para falarem mais baixo, pois elas estão imitando o meu comportamento. Todos nós devemos ser dependentes de Deus porque só Nele podemos seguir no caminho certo.

Mais uma vez é preciso mencionar o princípio do temor ao Senhor, pois a Palavra de Deus não deixa dúvidas, o caminho é um só:

Respondeu-lhe Jesus: Eu sou o caminho, e a verdade, e a vida; ninguém vem ao Pai senão por mim. - João 14:6 ARA

Oro para que Deus ajude a cada um de nós a seguir as pegadas de Jesus na caminhada da vida pois a porta é estreita:

Entrai pela porta estreita (larga é a porta, e espaçoso, o caminho que conduz para a perdição, e são muitos os que entram por ela), porque estreita é a porta, e apertado, o caminho que conduz para a vida, e são poucos os que acertam com ela. - Mateus 7:13-14 ARA

Que possamos entrar por esta porta e seguir com sabedoria ao caminho da vida eterna quando iremos um dia encontrar com o nosso Pai!




Bruna Duarte

Fundadora e escritora do blog, fotógrafa, esposa do Diego e mãe da Sarah e Daniel. Uso as palavras para traduzir o meu coração e creio que elas podem alcançar lugares que os meus pés não podem chegar.